Arquivos do Blog

Sérgio Soares diz que momento é de “comemorar” mas que o pensamento já é no Sport

Sérgio Soares celebrou bom resultado no clássico.

Sérgio Soares celebrou bom resultado no clássico.

Jogando na tarde deste domingo, 30, o Ceará venceu o Fortaleza pelo placar de 3a1 e se saiu vitorioso no segundo Clássico-Rei do ano. No entanto, sem tempo para fazer muito alarde, logo após o jogo o técnico Sérgio Soares fez questão de ressaltar que o foco da equipe já está voltado para o confronto diante o Sport, pela final da Copa do Nordeste.

“Foi um grande resultado, estou saindo do Castelão com a sensação de dever cumprido. O momento é de comemorar porque não é todos os dias que vencemos um clássico tão disputado. Mas não temos muito tempo a perder, já estamos pensando no Sport e na partida de quarta-feira”, declarou o treinador em entrevista coletiva.

Bill ou Tadeu?

Acerca da dupla de ataque junto com Magno Alves, Sérgio alertou que só deve definir o titular no treinamento de terça-feira. Nos últimos jogos Tadeu vem ganhando a oportunidade de começar jogando. Porém, Bill entrou no segundo tempo do clássico, decidiu a partida e marcou dois gols que deram os três pontos ao Vovô.

“É uma briga sadia, é ótimo para o elenco que temos essa disputa dos dois atacantes. O Biil fez um grande jogo e decidiu um clássico super importante. Vamos decidir o titular somente nos trabalhos dessa semana, e tenho certeza que quem estiver em campo vai honrar a camisa do Ceará”, ratificou.

Souza

Acerca da ausência do meio-campista Souza, o comandante alvinegro salientou que o atleta foi poupado para poder ficar com as melhores condições físicas, já visando as fases finais de Campeonato Cearense e Copa do Nordeste.

“Tivemos a opção de poupar o Souza. Mas ele é titular e joga sim contra o Sport”, concluiu Sérgio.

 

Gabriel Lobo

@gabriellobo10

Anúncios

Apesar da descrença, Clássico-Rei de amanhã pode começar a decidir o campeão

Adversários sim, inimigos não. #PazNoClássicoRei

Adversários sim, inimigos não. #PazNoClássicoRei

Apesar de muitos torcedores andarem falando por aí que o Clássico-Rei do próximo domingo não vale absolutamente nada, o Nota Esportiva mostra agora alguns pontos que provam que o clássico significa muito para o momento atual de cada clube e para a decisão do Campeonato Cearense. Veja:

Com uma vitória alvinegra, o Ceará amplia seu tabu com o Fortaleza para 9 jogos sem derrota, quebra a invencibilidade tricolor que já dura 25 jogos e diminui a diferença para somente 2 pontos na briga pela liderança. Vale lembrar que as semi-finais contam pontos, e que esses pontos podem mudar a liderança geral do certame. Sabendo disso, Sérgio Soares promete força total no clássico.

Com uma vitória tricolor, o Fortaleza iguala a marca histórica de 1978 com 26 jogos invictos(para esse caso um empate também serviria), vence o único adversário que não bateu no campeonato(vitória essa que daria fim ao longos 775 dias sem vencer o maior rival) e garante a liderança geral do estadual podendo ser campeão com 2 empates.

Desfalques

No Fortaleza o único desfalque é o zagueiro Eduardo Luiz. O defensor tricolor recebeu o 3° cartão amarelo na partida contra o Horizonte e cumpre suspensão automática contra o Ceará.

No Cea o desfalque é o meio campista Leandro Brasília. O volante que era titular e vinha desempenhando bons jogos não atua pelo alvinegro desde o  jogo contra o Vitória no dia 27/02.

Confira a Ficha Técnica para Ceará x Fortaleza:

Local: Arena Castelão
Data/Horário: 30/03/2014 às 16 horas
Árbitro: Avelar Rodrigo da Silva/CE
Assistente Nº 1: Marcione Mardonio da Silva Ribeiro/CE
Assistente Nº 2: Renan Aguiar/CE
4º Árbitro: Paulo Marcelo da Silva/CE

Cea: Luis Carlos; Samuel Xavier, Sandro, Anderson e Hélder; João Marcos, Ricardinho, Souza e Felipe Amorim; Magno Alves e Tadeu.
Técnico: Sérgio Soares

FortalezaLuís Henrique; Thiago Cametá, Genilson, Max Oliveira e Fernandinho; Walfrido, Corrêa, Edinho e Marcelinho Paraíba;  Waldison (Paulinho) e Robert.
Técnico: Marcelo Chamusca

Siga o Nota Esportiva no Twitter: @EsportivaNota
#PazNoClássicoRei 

Sérgio Soares sinaliza Ceará para o clássico, já Chamusca conta com retorno de jogadores importantes

chamusca soares

Ambos os técnicos prometem o melhor de seus elencos para o jogo de domingo.

Ceará e Fortaleza fazem no próximo domingo o jogo mais atrativo do Campeonato Cearense: o Clássico-Rei. Se por um lado Sérgio Soares aponta seu provável time, por outro Marcelo Chamusca conta com um desfalque certo, o zagueiro Eduardo Luiz suspenso, e com a volta de 3 jogadores para montar a equipe do leão.

Sandro, Bill e Gabriel não treinam 

Em treino realizado hoje, 28, em Carlos de Alencar Pinto, Sérgio Soares não pôde contar com os jogadores Sandro, Bill e Gabriel. Os 3 atletas não treinaram por conta de uma indisposição estomacal. Apesar disso, os 3 devem ser relacionados para o clássico. O Ceará de Sérgio Soares deve ir a campo com: Luis Carlos; Samuel Xavier, Sandro, Anderson e Hélder; João Marcos, Ricardinho, Souza e Felipe Amorim; Tadeu e Magno Alves.

Waldison se recupera

O técnico Marcelo Chamusca ganhou alguns motivos para se alegrar. O treinador tricolor poderá contar com o atacante Waldison para o Clássico-Rei de domingo. Além de Waldison, o lateral Fernandinho e atacante Diego Neves também estão de volta. Em treino hoje no Pici, Chamusca escalou o time titular com: Luís Henrique; Cametá, Genilson, Max Oliveira e Fernandinho; Walfrido, Corrêa, Edinho e Marcelinho Paraíba; Robert e Waldison.

Siga o Nota Esportiva no Twitter: @EsportivaNota

Fortaleza é impedido de treinar no Castelão e torcida reclama

Clube não pôde treinar na Arena por causa de produto no gramado

Clube não pôde treinar na Arena por conta de produto no gramado

O Fortaleza treinaria na Arena Castelão na última quinta feira, 27, visando preparativos para o Clássico-Rei de domingo. Entretanto, o clube não conseguiu a liberação da Arena para o treino. A informação causou burburinho na torcida tricolor, já que no mesmo dia, o Ceará, anunciou que seu treino de apronto para o clássico estava marcado para o Castelão na sexta feira.

Segundo Júlio Manso, Diretor de Futebol do Fortaleza, a informação passada pela Arena, foi a de que o gramado recebeu um produto para tratamento na quarta-feira,26, e que não estaria apto para qualquer atividade no período de 48 horas.

Em tempo

O treino do Ceará que estava marcado para o Castelão nesta sexta feira mudou de local. O time de Sérgio Soares treina em Carlos de Alencar Pinto às 16 horas de hoje.

João Pedro Guedes – @jpedroguedes
Siga o Nota Esportiva no Twitter:
@EsportivaNota  

Presidentes das torcidas organizadas prometem trocar bandeiras de paz

Bandeiras das torcidas simbolizam a paz.

Bandeiras das torcidas simbolizam a paz.

Os apelos por paz entre torcidas no Clássico-Rei mobilizam os presidentes das principais organizadas de Ceará e Fortaleza. Durante reunião com os comandantes da policia militar, os líderes da Cearamor e Tuf, Jeysivam Santos e Edson Saigon, resolveram fazer uma ação minutos antes da partida e levar uma bandeira de paz do time adversário até os locais onde ficam suas respectivas organizadas.

A ação deve acontecer da seguinte maneira: por volta de 10 minutos antes da entrada dos times em campo, os presidentes vão levar as bandeiras de sua torcida até a divisória do estádio, e assim fazer uma troca seguido por um aperto de mão. Logo após o ato, cada um vai balançar a bandeira do rival no lugar onde fica concentrado as organizadas, atrás de cada gol.

Apelo por paz também nos árbitros

A campanha por paz também toma de conta dos árbitros da partida. Dentro de campo, os assistentes Marcos Antônio Brígido e Samuel Oliveira da Costa usarão bandeiras de cor branca, ao invés das tradicionais quadriculadas.

Fora de campo, cerca de 550 policiais militares

Para garantir a segurança fora do estádio, cerca de 550 policiais militares estarão trabalhando para garantir a ordem entre os torcedores. Haverá ação em todos os terminais de ônibus, assim como nos trajetos que levarão os torcedores ao estádio, nas avenidas Dedé Brasil e Paulino Rocha.

 

Gabriel Lobo

@gabriellobo10

Para simbolizar a paz, assistentes do Clássico-Rei vão usar bandeirinhas brancas

Bandeirinha branca para simbolizar a paz.

Bandeirinha branca para simbolizar a paz.

A campanha e os fortes apelos de paz no Clássico-Rei também tomam de conta dos árbitros da partida. E para incentivar a paz entre as torcidas, os assistentes Marcos Antônio Brígido e Samuel Oliveira da Costa usarão bandeiras de cor branca, ao invés das tradicionais quadriculadas.

A medida serve de inspiração pelos clássicos do Campeonato Paulista, que usou da prática em dias de grandes jogos no estadual.

“Tudo que remete a paz é válido”, declarou o presidente da FCF, Mauro Carmélio.

 

Gabriel Lobo

@gabriellobo10

 

 

Estreantes no Clássico-Rei, Sérgio Soares e Marcelo Chamusca mostram retrospecto positivo

chamusca soares

No próximo domingo, 9, Ceará e Fortaleza farão o Clássico-Rei de número 544 na história. O Vovô possui vantagem nos números: 185 vitórias alvinegras contra 167 tricolores, além de 191 empates. Um fator marcante do Clássico 544 é a estreia, em clássicos, dos treinadores tanto de Ceará como Fortaleza. Assim sendo, o Nota Esportiva faz agora uma pequena retrospectiva do trabalho de cada treinador a frente do seu respectivo clube.

Sérgio Soares

Sérgio Soares assumiu o comando do Ceará na 17ª rodada da Série B em 2013, quando o clube se encontrava na briga pra fugir do rebaixamento. Porém, realizando uma segunda parte de campeonato digna de disputa de título, quase conseguiu o tão sonhado acesso para a torcida alvinegra. Seu primeiro título comandando o alvinegro, ainda que amistoso, foi a Copa dos Campeões Cearenses de 2014. Sérgio já é o segundo técnico com mais tempo a frente do Ceará na gestão Evandro Leitão com quase 7 meses a frente da equipe. O retrospecto de Sérgio Soares é  favorável; são 34 jogos, sendo 18 vitórias, 9 empates e 7 derrotas.

Marcelo Chamusca

Marcelo Chamusca assumiu o comando do tricolor no começo de 2014.O técnico recebeu uma missão que há 4 anos outros treinadores vem falhando: retirar o Fortaleza da Série C. Como bônus, Chamusca, tenta impedir o tetra do maior rival, algo que não acontece desde a década de 90. Uma das características do técnico é dar oportunidade para atletas da base, com isso Edinho e Walfrido ganharam mais oportunidades na equipe. Ambos realizam um papel fundamental no time tricolor. Walfrido é apontado como a revelação do campeonato, já Edinho conta com 8 assistências no certame e vem auxiliando muito bem Marcelinho Paraíba na armação da equipe.  Até agora Chamusca vem se saindo muito bem, o Fortaleza está invicto há impressionantes 19 jogos. São 16 vitórias e 3 empates, com 55 gols marcados e 16 sofridos.

Estreia também no apito

O árbitro da partida será Cleuton Lima. Cleuton, de 38 anos, pela primeira vez na sua carreira apitará um Clássico-Rei. Será a 7ª partida que Cleuton apitará no ano.

Talles Luan
João Pedro Guedes

Ceará treina sem Ricardinho e com a presença Leandro Brasília no time titular

Ricardinho deixou o treino e virou dúvida no Ceará.

Ricardinho deixou o treino e virou dúvida no Ceará.

As vésperas do Clássico-Rei, o técnico do Ceará, Sérgio Soares, pode ganhar uma baixa inesperada. O meio-campista Ricardinho, até então titular absoluto e peça fundamental da equipe, deixou o treinamento nesta sexta-feira, 7, sentindo fortes dores na parte posterior da coxa e virou dúvida para o duelo de domingo.

Ricardinho começou as atividades normalmente, mas, durante o trabalho tático sentiu a lesão e deixou o gramado. O Departamento Médico do clube ainda não se pronunciou sobre as condições do atleta, e aguarda as respostas dos primeiros tratamentos realizados.

Por outro lado, a comissão técnica pôde comemorar o retorno de Leandro Brasília, que deixou o departamento físico e trabalhou normalmente com bola.

O alvinegro treinou com a seguinte formação: Luis Carlos, Samuel Xavier, Anderson, Sandro e Hélder Santos; João Marcos, Leandro Brasília e Souza; Assisinho, Magno Alves e Bill.

 

Gabriel Lobo

@gabriellobo10